eregeo 2012

 

Quem fez faculdade e teve a oportunidade de participar de encontros de estudantes sabe que essa é uma das experiências mais ricas e marcantes da vida acadêmica. Eu mesmo, ao longo da minha graduação em geografia, tive a oportunidade de participar de alguns encontros pelo Brasil.

A minha primeira viagem foi no Encontro Nacional de Estudantes de geografia – ENEG – 2007, realizado em Cárceres, no Mato Grosso. Foi uma experiência incrível. Depois de dois dias no busão, ficamos alojados em nossas barracas dentro de um CIEP, junto com mais de mil estudantes de todo o Brasil. Muitas festas, conversas sobre geografia, experiências psicodélicas, descobertas pessoais e coletivas. Em nossas explorações sobre a região, visitamos a Chapada do Guimarães, descemos o Pantanal através do rio Paraguai e conhecemos uma cidade Boliviana na fronteira com o Brasil.

Outra viagem na lembrança foi o Encontro Regional de Estudantes de Geografia – EREGEO – 2007 – Sudeste, realizado em Vitória. Esse foi muito mais politizado, com uma discussão forte sobre o papel da ARACRUZ CELULOSE no Espírito Santo. Entre os principais impactos socioambientais da monocultura do eucalipto estão o grande uso de água, o desaparecimento das nascentes, a expulsão dos quilombolas, das comunidades ribeirinhas e das tribos indígenas de suas terras tradicionais. Tivemos contato com a Rede Alerta contra o Deserto Verde e conhecemos suas estratégias de luta e de resistência contra a exploração desmedida dos recursos naturais no Espírito Santo e da violação dos direitos das comunidades tradicionais.

Essa história toda é pra dizer que a roda gira, o vento sopra e dessa vez o Encontro Regional de Estudantes de Geografia – EREGEO – 2012 – Sudeste – será realizado aqui em Duque de Caxias. Cerca de 400 estudantes de SP, RJ, ES e MG estarão alojados na FEBF, na Vila São Luis, entre os dias 15 e 18 de novembro. Entre as atividades previstas estão visitas ao Museu Vivo do São Bento, aos problemas socioambientais de Duque de Caxias, à favela Santa Marta (UPP) e ao Porto Maravilha. A programação pretende fazer um panorama sobre alguns dos principais desafios das periferias da metrópole carioca.

Desde já quero parabenizar aos estudantes que estão de frente no Centro Acadêmico de Geografia da FEBF e tiveram a disposição de trazer esse encontro para nossa cidade. A sociedade caxiense está ensaiando uma reação social ao seu alongado de estado de apatia. Torço para que o EREGEO/2012, através da energia dos estudantes, contribua para o fortalecimento de nossas possibilidades de construção de uma agenda propositiva para Duque de Caxias.

Link do blog http://eregeose2012.wordpress.com/

Contato do colunista: http://conexaocaxiasbf.blogspot.com.br/


Henrique Silveira

Henrique Silveira é geógrafo e mestre em Comunicação e Cultura pela UERJ/FEBF. É o Coordenador Executivo da Casa Fluminense.

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebook