Projeto promove debates e apresentações culturais no SESI Caxias

Comemorando o Dia da Baixada Fluminense e toda a sua vasta rede de artistas, produtores e coletivos culturais da região, o projeto Território Baixada abre seu Ciclo de Encontros no dia 30, a partir das 18h, com o debate Mapa-Múndi Daqui: Rotas que Inspiram com os coletivos Desmaio Públiko, Imaginário Periférico e TV Maxambomba, todos realizadores de ações e movimentos estéticos na região desde as décadas de 80 e 90. Após o debate, será aberta a Exposição Percursos da Resistência que homenageia a historia dos três grupos.

Com realização do SESI Caxias, concepção e produção da Terreiro de Ideias: Arte, Comunicação, Cultura, o projeto continua ao longo do mês de maio até início de junho, sempre debatendo os caminhos da criação e da produção de grupos e artistas independentes na Literatura, Cinema, Patrimônio Histórico, Artes Cênicas, Cultura Urbana, Música e Produção Cultural. Apresentações artísticas encerram sempre os debates com bandas, espetáculos circenses e teatrais, exibição de filmes, entre outros.

Toda a programação tem entrada franca.

território baixada

Serviço

Abertura – 30 de Abril, quarta às 18h
Exposição [Percursos da Resistência: Desmaio Públiko, Imaginário Periférico e TV Maxambomba]
Debate [Mapa-Múndi Daqui: Rotas que Inspiram]
Desmaio Públiko
Imaginário Periférico
TV Maxambomba

Mediador: Mauro Costa (FEBF/UERJ)

Discotecagem com DJ Lobão com os clássicos dos anos 70/80/90 no vinil.

.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

8 de maio, quinta às 18h
Planos cinematográficos entre outras trilhas
Mediador: Diego Bion – Cineclubista, coordenador do Cineclube Buraco do Getúlio, de Nova Iguaçu.
Link: http://buracodogetulio.blogspot.com.br/
Cacau Amaral – Diretor de filmes como “Cinco x Favela” o caxiense é integrante do Cineclube Mate com Angu.
Link: http://matecomangu.org/site/
Paulo China – VJ e cineasta iguaçuano, está lançando o filme “Praça do Skate”.
Link: https://www.facebook.com/vj.p.china?fref=ts
Getulio Ribeiro – Formado pela Escola Livre de Cinema, dirigiu o filme “O Dia Que a Terra Não Acabou” vencedor do Festival Cine Chinelo (Pernambuco).
Link: https://www.facebook.com/pqnaofilmes

  • “Donana”, de Cacau Amaral, Exibição do filme que conta a história do Centro Cultural Donana, com produção do Cineclube Mate com Angu.

 

15 de maio, quinta às 18h
Marcas urbanas e os espaços de difusão
Mediador: Slow da BF – Meritiense, legítimo Mestre de Cerimônias da cultura Hip-Hop.
Kaja Man – Grafiteiro, organizador do Meeting Of Favela, o maior encontro de graffiti voluntário da América latina, que acontece em Duque de Caxias.
Link: http://meetingofavela.blogspot.com
Maurílio Sal – O músico coordena o grupo de Maracatu Baque da Mata, de Nova Iguaçu.
Link: http://maracatubaquedamata.blogspot.com.br/
Giordana Moreira –Ativista cultural, faz parte do Roque Pense! que realiza um dos maiores festivais de cultura antissexista do país na região.
Link: www.roquepense.com.br

  • Tree” – banda com integrantes de Duque de Caxias que ocupa as ruas do Rio de janeiro com apresentações ao vivo.

Link: https://www.facebook.com/bandatree

 

16 de maio, sexta-feira às 18h
O Work in Progress da Guerrilha: os processos de criação do território
Mediador: Marco Serra – Ator, arte educador e ativista faz parte do Leafro / UFRRJ-NI.
Link: http://www.ufrrj.br/leafro/
Deco Batista – Coordena a Sociedade Cultural Projeto Luar de Dança, em Duque de Caxias.
Cesario Candhí – Fundador da Companhia de Arte Popular, criada há 15 anos na Baixada Fluminense.
Jorge Braga Jr – O Ator e produtor cultural atua na Cia Código de Artes Cênicas, fundada por jovens de Japeri.
Link: https://www.facebook.com/pages/Cia-C%C3%B3digo-de-Artes-C%C3%AAnicas/113145032186819?fref=ts

  • Sobretudo, com Emerson Noise – O palhaço malabarista de Mesquita que está movimentando a linguagem circense contemporânea

Link: https://www.facebook.com/emerson.noise?fref=ts

 

22 de maio, quinta às 18h
Produção de cultura no front: zonas de potencia, guerrilha e ativismo
Mediador: João Guerreiro – Coordenador do Curso de Produção Cultural da IFRJ.
Link: http://www.ifrj.edu.br/
Dani Francisco – Jornalista e Produtora Cultural, dirige a Terreiro de Ideias, localizada em Duque de Caxias.
Link: www.terreirodeideias.com.br
Alexandre Marques – O Historiador atua junto a grupos de cultura tradicional da Baixada Fluminense e faz parte da APPH – Clio.
Fábio Santini – Administrador do Teatro SESI de Duque de Caxias.
Link: www.firjan.org.br/sesicultural

  • Espetáculo teatral “Procura-se”, produzido pelo Grupo Teatral Em Cena do SESI de Duque de Caxias.

 

29 de maio, quinta às 18h
Por uma cartografia cultural do território ou Movimentos que libertam: memória, política e rebeldia
Mediador: Tânia Amaro – A Historiadora dirige o Instituto Histórico da Câmara Municipal de Duque de Caxias.
Link: http://www.cmdc.rj.gov.br/?page_id=1452
Marlucia Santos Souza – Membra fundadora do Museu Vivo do São Bento, museu de percurso em Duque de Caxias.
Link: http://www.museusdorio.com.br/joomla/index.php?option=com_k2&view=item&id=51:museu-vivo-de-s%C3%A3o-bento&Itemid=217
Antonio Augusto Braz – O Historiador é diretor do Centro de Referência Patrimonial e Histórica Duque de Caxias.
Marcus Monteiro – autor de obras sobre o legado cultural da Baixada Fluminense integra o Instituto de Arqueologia Brasileira.
Link: http://www.arqueologia-iab.com.br/

  • Praça do Skate, de Paulo China. Exibição do filme que resgata a primeira pista de skate pública da América Latina, construída em Nova Iguaçu.

Link: https://www.facebook.com/MemoryAudiovisual/info

 

5 de junho, quinta às 18h
Escrita, Anarquia e outros gritos
Mediador: Heraldo HB – o escritor caxiense já publicou “Engenharia do aviãozinho” e “O cerol fininho da Baixada”.
Link: http://lurdinha.org/site/
João Carpalhau – faz parte da Capa Comics, revista que traz quadrinistas da Baixada Fluminense para as HQs brasileiras.
Link: http://capacomics.com/
Tubarão – Integrante do Grupo de poetas marginais da cidade de Duque de Caxias “Compulsores de partida”.
Link: http://compulsoresdepartida.blogspot.com.br/
Marlos Degani – Iguaçuano de coração o premiado Poeta tem uma ampla produção literária.
Link:  http://www.sanguedapalavra.blogspot.com

  • Miguel Bezerra – Um dos maiores repentistas do país radicado em Nova Iguaçu.

 

6 de junho, sexta às 18h
Outras linhas de fuga: instruções para uma produção sonora independente
Mediador: Beto Gaspari – músico atuante na cena e nos palcos da Baixada Fluminense.
Link: https://www.facebook.com/beto.gaspari.3?fref=ts
Marcelo Peregrino – fundador da Pirão Discos, selo independente que reúne músicos contemporâneos da região.
Link: https://www.facebook.com/pirao.discos.3
Sergio Cara Preta – Através da organização Trem da Harmonia publicou o livro “Frutos da Terra – Sambas e compositores iguaçuanos”.
Dida Nascimento – Músico e herdeiro do histórico Centro Cultural Donana, em Belford Roxo.
Link: http://www.donana.org.br/

  • Pirão Discos – Apresentação de músicos da Baixada Fluminense que integram o selo independente.

Acompanhe em www.facebook.com/territoriobaixada

 

Território Baixada


heraldo hb

. Animador cultural, escritor e produtor audiovisual nascido no século XX. .

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebookFlickrYouTube